DENTRO DO CARRO COM O GATO DA BALADA



Olá meu nome é Poli tenho 28 anos e vim contar mais uma aventura pra vocês, espero que gostem...

Há alguns anos, quando ainda era solteira, fui em uma balada com as amigas, era sexta feira e estava uma noite quente e agradável. Vesti uma blusinha decotada que valorizavam meus seios sem ser vulgar, sainha curta rodada e salto, caprichei na maquiagem, tenho cabelos longos e loiros e como de costume deixei soltos jogado de lado.

Era uma balada sertaneja e estava lotada. Comecei a notar que um gatinho do outro lado da pista não tirava os olhos de mim. Ele era moreno, ombros largos, sorria enquanto conversava com os amigos... seu sorriso era lindo. Ele estava me encarando a um tempo então resolvi corresponder os olhares e ele começou a caminhar em minha direção.

Sempre fui um pouco tímida, virei para conversar com minhas amigas e fingi que não notava que ele estava vindo até mim, chegou perto, deu boa noite e disse que eu era muito bonita. Agradeci com um sorriso, aprecio homens que sabem o que querem, ainda mais um gato como ele, de perto era ainda mais bonito, alto, moreno, sorriso lindo e quando chegava pertinho pra falar dava pra sentir seu perfume...

Diego -Está com alguém?

Poli -Só com amigas...

Diego -Será que elas se importam de me emprestar você um pouquinho?

Poli - Você dança?

Diego -Eu tento. (ele falou revelando um sorriso lindo e sexy)

Me deu a mão e fomos para a pista.

Diego -Ahh como sou bobo... Nem ne apresentei. Me chamo Diego, prazer...

Poli -Prazer... Poli.

Continuamos dançando e a conversa estava ótima, nós tínhamos a mesma idade, 22 anos, ele era gentil e sexy, engraçado e eu estava adorando dançar juntinho sentindo seu perfume. Tinha até perdido a noção do tempo quando ele me chamou pra tomar alguma coisa no bar. Pediu duas cervejas e ficamos próximo ao balcão.

Diego -Você é muito cheirosa... (não sei o que mexe mais comigo, ele ser fofo ou esse sorrisinho sexy)

Poli -Obrigada... Mas e aí, está sozinho mesmo??? (como poderia uma cara assim estar solto por aí?)

Diego -Eu sim, já você... não fiquei convencido de que está solteira mesmo.

Poli -O que posso fazer pra te convencer??

Diego -Um beijo... (ele falou chegando mais perto)

Me aproximei e dei um beijinho no cantinho da boca, gosto de provocar.

Poli -Acredita agora?

Ele sorriu, retribuiu um beijo no cantinho da minha boca também, e depois me beijou, um beijo gostoso e molhado, me pegou pela cintura, eu pousei as mão em sua nuca, o beijo ficou quente, com ele dando mordidinhas nos meus lábios e me abraçando mais forte. Senti meu rosto queimar quando lembrei que estávamos em público, sempre fui o tipo princesinha em público e putinha na cama. Me afastei devagar, ele estava com aquele sorrisinho de garoto no canto da boca.

Diego -Nossa cerveja vai esquentar. (ele disse enquanto continuava sorrindo)

-É verdade, ta muito quente aqui... (muito quente mesmo!)

-Um brinde ao início da nossa amizade...

Tomamos nossa cerveja, dançamos mais um pouco e ele me chamou pra tomar um ar la fora. Estava muito quente e também foi um alívio me livrar um pouco de todo aquele barulho.
Conversamos e beijamos durante algum tempo, tinha rolado uma química, o beijo dele era maravilhoso, e aos poucos e disfarçadamente ele estava se soltando e começava a baixar a mão em direção a minha bunda. Safado!!! Ele sabia como conquistar, chegando de quietinho ao ponto que realmente interessava.

Diego- Quer sair daqui?

Apesar de achar que não devia eu estava com muita vontade de de ficar sozinha com ele, eu sempre tive a fantasia de transar com um desconhecido, fui convencida, avisei minhas amigas por mensagem, mandei a placa do carro e foto da habilitação dele caso algo acontecesse comigo rsrs

Fomos dar uma voltinha de carro. Ele parou em frente a uma praça, quase em baixo de uma árvore, de forma que o carro ficava escuro, fora do alcance dos postes de iluminação.
Começamos a conversar, ele ligou o som, e logo o papo deu lugar apenas a beijos, mordidinhas no pescoço, na orelha... Ele colocou as mãos sob minha blusa, acariciando minha barriga, subindo um pouco para os meus seios. Me arrepiei toda com a carícia, tirei sua camisa e ele tirou minha blusinha, fui sentar de ladinho no seu colo, mas ele me surpreendeu me segurando e me encaixando em seu colo de pernas abertas. Já estava de pau duro e foi uma delícia sentir e me esfregar nele.

Ele ficou me olhando com os olhos cheios de desejo, abriu meu sutiã e abocanhou um dos meus seios enquanto acariciava o outro, meus seios são grandes com bico pequeno e rosado, ele alternativa entre eles me deixando arrepiada de tesão. A praça estava vazia, era madrugada de inverno mas o risco de alguém aparecer só aumentou mais ainda o desejo entre a gente.
Eu não parava de me esfregar no colo dele sentindo o volume da sua ereção, ele agarrou minha bunda por baixo da saia e me forçou mais ainda contra seu corpo.
Eu estava louca de tesão, e puxei sua mão para o meio das minhas pernas por cima da calcinha, estava quente e úmida

Diego- Ai Poli, eu te quis desde que te vi, tava louco pra ficar sozinho com você. Que peitão gostoso... Vamos pro banco de trás?

Enquanto passamos pro banco de trás ele se livrou da calça, ficando somente de cueca box branca revelando o volume de um pau grande e duro. Coloquei a mão e fiquei massageando enquanto o beijava. Ele tirou a cueca e eu desci beijando seu peito, sua barriga, passei direto pelo pau pra provocar e beijei suas coxas, senti seu pau pulsando e encostando no meu rosto, dei beijinhos por cima da cueca, na cabecinha... Ouvi seu gemido e sua respiração acelerada.

Diego- Me chupa vai safada, estou louco pra sentir sua boca.

Puxei a cueca para baixo e cai de boca, lambendo, chupando e babando muito aquele pau gostoso.Ele segurou meu cabelo como em um rabo de cavalo e começou a controlar o ritmo das minhas chupadas. A outra mão ele deslisou pra dentro da minha calcinha alisando minha bucetinha molhada.

Ele deitou no banco e me posicionou sobre ele e começamos um 69 maravilhoso, ele lambendo gostoso minha bucetinha sentindo todo o meu melzinho, e falando coisas deliciosas enquanto me chupa bem gostoso.

Diego -Que buceta gostosa. Delícia. Isso chupa assim bem gostoso.


Poli -Que delícia Diego...hummm

Gozei gostoso enquanto ele me chupava. Ele sentou no banco com o pau pulsando todo molhadinho da minha chupada. Pegou uma camisinha na carteiea e eu aproveitei pra chupar mais um pouquinho antes dele colocar, chupei olhando pra ele com carinha de safada, ele gemendo gostoso com uma carinha de safado. Eu adoro o gemido de homem.

Colocou a camisinha e me puxou pra cima dele, fui sentando devagarinho, sinto que que a cabecinha já está toda dentro e continuo sentando gostoso. Sou toda apertadinha e sinto cada centímetro dele entrando. Começo a gemer gostoso e acelerar aos poucos o ritmo da cavalgada.

Diego -Rebola safada, adoro isso! (ele fala enquanto da tapas fortes na minha bunda)

Poli -Que pau gostoso Diego.

Diego -Tá gostando desse pau? Então diz que é minha putinha...

Poli -Eu sou tua putinha...

Diego -Isso cadelinha, safada, rebola gostoso.

Eu sento forte naquele pau até gozar, gemendo e e delirando de prazer. Ele vê que estou perdendo as forças e começa a me levantar pelos quadris batendo forte no pau dele. Sei que ele está prestes a gozar então viro de costas pra ele e começo a cavalgar gostoso. Ele molha o dedo na minha boca e começa a passar na entrada do cuzinho com movimentos circulares e dando tapas fortes na minha bunda que fica ardendo, não aguenta mais e começa a gozar... me abraça forte, me puxa pra trás em cima dele e ficamos uns minutos naquela posição.

Diego -Tu é foda hein Poli, com essa carinha de santinha. Quero mais... (ele fala no meu ouvido)

Trocamos contato e voltamos pra balada... Eu com carinha de santinha novamente como se nada tivesse acontecido... Eu e Diego ainda transamos outras vezes... E era sempre uma delícia.

Se gostou vote e deixe seu comentário para me estimular a escrever mais... Todos os meus contos até hj foram reais, espero que gostem.... bjo

Imagem ilustrativa

Foto 1 do Conto erotico: DENTRO DO CARRO COM O GATO DA BALADA


Faca o seu login para poder votar neste conto.


Faca o seu login para poder recomendar esse conto para seus amigos.


Faca o seu login para adicionar esse conto como seu favorito.


Comentários


foto perfil usuario mmfs

mmfs Comentou em 11/07/2019

Muito safadinha, delicia.

foto perfil usuario flamengo21

flamengo21 Comentou em 11/07/2019

a pegada no cabelo, o tapa, a mão segurando firme, goza safada, delicia de conto e que mulher gostosa. votado

foto perfil usuario fulano

fulano Comentou em 11/07/2019

delicia de conto e foto

foto perfil usuario kasper

kasper Comentou em 11/07/2019

Que putinha mais sapeca!! Adoro mulher peituda!

foto perfil usuario aprendiz1982

aprendiz1982 Comentou em 11/07/2019

Muito bom. Parabéns. Votei

foto perfil usuario _negro_

_negro_ Comentou em 10/07/2019

Delicia belo conto muito tesão e adoro safadeza dentro do carro

foto perfil usuario polipr

polipr Comentou em 10/07/2019

Adoro homens dominadores... obrigada por comentar bjo

foto perfil usuario garotodeprograma22cm

garotodeprograma22cm Comentou em 10/07/2019

Adorei. Vc curti homens dominador ?

foto perfil usuario garotodeprograma22cm

garotodeprograma22cm Comentou em 10/07/2019

Adorei. Vc curti homens dominador ?




Atenção! Faca o seu login para poder comentar este conto.


Contos enviados pelo mesmo autor


140804 - Primo folgado - Categoria: Incesto - Votos: 30
140874 - Primo folgado II - Categoria: Incesto - Votos: 23
140889 - Primo folgado III (macho ciumento) - Categoria: Incesto - Votos: 14
140984 - Seduzindo meu melhor amigo - Categoria: Heterosexual - Votos: 15
141052 - O professor de Jiu -jitsu - Categoria: Heterosexual - Votos: 16
141130 - Como perdi minha virgindade - Categoria: Virgens - Votos: 28

Ficha do conto

Foto Perfil polipr
polipr

Nome do conto:
DENTRO DO CARRO COM O GATO DA BALADA

Codigo do conto:
141259

Categoria:
Fetiches

Data da Publicação:
10/07/2019

Quant.de Votos:
23

Quant.de Fotos:
1


Online porn video at mobile phone


sexo com a minha sogra flagranteporno gay em quadrinho piratassexoconto insesto devirgemcontos eróticos menininhao clima esfriou a jiboia dele no meu c****** sem dó conto eróticodownload dos capitulos da professora subimissaconto erotico em quadrinho encostando no onibusconto herotico eu e meu amigao fazendo dp na minha espisatexto e fotos de historia de porno titiu meio safado e inocente e subrinha safadaconto erótico fantasia com minha filhaBuceta.na.praia.de.nudismo.nestes.ultimos.fim.de.semanasVadia gostosa fas homem goza no cinto de castidadeporno gay virando femiacontos cdzinhasUm policial gato me estrupou:contos eróticosrevistas em quadrinho porno a sexologa taradacomi o cabacinho de uma japinha de dezesseis anos contos eróticoscontos eroticos seduzindo meu papai e ele nao resistiuConto erotico pivete pintudonho estrupando afilhada novinhaconto familia da esposa nudistaconto erotico trio com imagenscontos meu filho guei virou minha putinhaconto erotico de filha mostrando a bucetona pro paidepilando a minha tia gravida contos eroticosrelato erótico esposa patrao maridocontos melei a xaninha da menininhaconto erotico com nora puta e gostosadwi munha bucetinha virgem para meu padrasto contosminhaesposagostosaFotos mulher manda marido chama dotado pra fuder contos eroticoconto erotico velho de hiluxCont erot virgemwww.fotos porno das velhas bem goatosas dando .com/vai novinhaDespedida de solteiro hentelcontos eroticos aluno da auto escolaconto erotico mulher ricaminha esposa com meu amigo pauzudoconto mae pelada p o filhoconto erotico minhas esposa quer outra picacontos eroticos mendigaarte de incestocomo fazer minete sem chupar corrimentoTransando com o pai do meu namorado contofotocontos erótico lésbicasme chuparam gostoso e eu gostei contos eroticosso cassetao duro fotovideos de sexochupadas gostosa e profundaContos eroticos submissao e inversaoincesto quadrinhos irmaos virgensEroticoConto gayconto a esposa e o negao do presidioContos Eróticos De Gay Comi.a BundaQuadrinho erotico mae e Filhoporno gay quadrinho mozto rucunhada moralista acabou chupando meu pauconto erotico mulher dando buceta pedreiroMinha prima teve que me dar seu cu porque ela nao aguentou meu pau na buceta dela conto eroticocontos eróticos viagem maravilhosaconto erotico meu filho e outros amigosconto erotico passando bronzeador casadahttps://vangogrostov.ru/conto/21695/911350/o-velho-do-caminhao-de-frutas.htmlconto gay iniciando meu cunhadoempregadas pornôcontos eroticos irmas gozadeiraconto erotico minha mae me provocacontos eróticos, comerem minha mãexvideis 2017comi a minha tiaconto erótico vovó gordaaluna dar abuceti para otro alunaconto porno mulher buceta pau 25cmtatoo de pimenta na bucetacontos eroticosco fotos de belem do paramulher mastubado muito explosão de goza forte muuitoconto erotico aposta irmãtia beth conto eróticconto erótico comendi a velhaconto de encesto filho rasgou abucetinha da sua maeSexo penis contoQuadrinhoseroticossobrinhasconto erotico ajudei minha amiga a se aliviar vovos peludos gay contos eroticoscontos eroticos pagando aposta malucacontos eróticosde mulheresquegostam de scatso os bucetas com espermaquadrinho eroticom com fernanda paeswww.tv inceto a tia 1conduzindo o trenzinho 3contos aneguinha do cu frouxonegao roludo rasga novinha com srxo exaustivona praia de nudismo minha bucetinha melou contos eróticosincesto com mamãe em3dPirralhinha xnxxsobrinha toda molhadinha ao ver o'tamanho do pênishentai seu madruga comendo dona florindaeu amo levar encoxada 2019Contos Eróticos De Gay Fui Comido Pelo Pai do Meu Melhor Colegaliga da justica peladaquadrinho porno filho gay acha vibrador da maedeisnegao comendo o cu da novinha