TIA ADELAIDE... ME AJUDA? - ( PARTE 4)



No final do filme, finalmente o cara pega a mulher e transam a noite inteira e depois disso estavam sempre se pegando, o restante da história foi contada e o filme terminou. Minha Tia disse:

“Puxa vida, ainda bem que o cara cedeu, tava difícil viu... pensei que o filme iria acabar e o cara não ia dar o que ela queria”.

Daí aproveitei pra fazer uma piadinha.

“E o que ela queria Tia?”.

“(gargalhadas) Tadinho, inocente, não sabe mesmo? Quer que a Titia te conte?”.

“Quero sim Tia, fala pra mim, o que ela queria?”.

Ela levantou do colo, ficou de pé, pegou as latas de refrigerante no chão sem dobrar os joelhos, virou e saiu andando em direção da cozinha falando:

“Pica meu sobrinho querido, ela queria muita pica (gargalhadas)”.

Daí me levante i fui andando atrás dela dizendo:

“Bom pelo menos, ela resolveu o problema dela (risos)”.

“Ôoooo se resolveu, tu não viu que depois da primeira, era todos os dias depois?”.

Logo depois disto, a luz caiu no bairro e minha Tia deu um grito.

“Que foi Tia?”

“Tenho horror de escuridão, muito medo mesmo”.

“Tem uma lanterna na primeira gaveta do armário aí perto da geladeira”.

Ela pegou a lanterna e acendeu e disse:

“Caramba, que medo, ainda bem que tem essa luzinha, será que vai demorar Enzo?”

“Não sei Tia, quando chove nesse bairro, sempre falta luz, mas, não fique com medo, vou subir com a senhora, a deixo no seu quarto e depois vou pro meu”.

Ela concordou e fomos subindo as escadas, ela na minha frente, mesmo com pouca luz eu ia com a cara quase dentro do seu rabo na tentativa de sentir o cheiro de fêmea dela. Aproveitei para segurá-la pela cintura e ela segurou a minha mão por cima e subiu bem devagarzinho, deu tempo de sobra pra eu me deliciar com o que via.

Ao chegar na porta do quarto, ela deu uma parada brusca como se tivesse se assustado e eu que vinha muito próximo, inevitavelmente acabei encostando meu pau em seu bumbum e ela disse:

“Aiiiii Enzo, essas sombras, morro de medo, você não poderia ficar aqui com sua Tia, pelo menos até eu dormir ou até que a luz volte?”

Dizendo isso ela foi para o banheiro e eu fiquei sentado na sua cama, escutei o chuveiro ligar e como o aquecimento em casa é a gás, certamente estaria tomando um banho pra poder deitar-se, fui até a porta do banheiro e gritei pra Tia Adelaide:

“Tia, vou tomar um banho rapidinho e já volto tá?”.

“Tá bom querido, não demora viu”.

Quando voltei, ela ainda estava no banheiro e perguntei se estava tudo bem e ela disse que estava passando hidratante.

Fiquei sentado em sua cama esperando, quando ela saiu a pouca luz da lanterna dava pra ver que ela estava usando um conjunto desses se shortinho levinho e bluisinha de dormir e veio para o meu lado, ficamos durante algum tempo conversando sobre várias coisas até que o assunto sexo voltou a fazer parte de nossas conversas.

“Pois é Tia, este final de semana foi um dos melhores da minha vida, pena que está acabando, quero que saiba que não direi uma só palavra do que aconteceu aqui nem para o meu Tio e nem para ninguém, afinal, eu gosto muito da senhora e nesse tempo você tem sido uma pessoa muito especial na minha vida!.

“Ôooo meu querido, você é um sobrinho maravilhoso, desde bebê que eu cuido de você, sempre te achei diferente, mais bonito e mais esperto que os outros sobrinhos todos sabia?”.

“É mesmo? Disso eu não sabia”.

“É verdade, só pra você ter uma idéia, desde bebê até uns 6 aninhos eu ajudava sua mãe a cuidar de você, te dava comida, te dava banho, até de mamar eu já te dei”.

“Que isso Tia, como assim?.

“É verdade, você tem a mesma idade que seu primo Julinho e eu o estava amamentando na época e aproveitava e dava leite pra você também”.

“Nossa que legal Tia, quer dizer que eu (gargalhadas)”.

“Que foi menino?”.

“Quer dizer que eu já mamei nesses seus peitos?”

“(gargalhadas) muita coisa, você gostava mais desse do lado esquerdo do que o outro e seu primo exatamente ao contrário”.

“Nossa que legal, também era fácil de entender, eles são grandes e chamam a atenção (risos)”.

“Palhaço, nessa época você nem sabia qual era a diferença entre peitos de mulher e uma chaleira”.

“Quer dizer que me dava banho também?”.

“Sim te dei vários banhos, você adorava ficar na água, só não gostava muito que mexesse no seu pintinho (risos) e eu tinha que mexer pra limpar e deixar tudo cheirosinho, você brigava comigo (risos)”.

“Ahhhh só criança mesmo?”

“Como assim, agora quem não entendeu fui eu!”.

“Tô brincando Tia queria dizer que hoje se uma mulher pega no meu negócio pra lavar, ao contrário de correr, eu deixo ela à vontade (risos)”.

“Ahhh tá, entendi, mas, você não é mais neném e nem tem mais pintinho não é mesmo? (risos)”

“Modéstia a parte Tia, agora já é um Galo bem robusto e canta alto (gargalhadas)”.

“Ahhh convencido!”.

“Convencido nada, eu posso provar”.

“Úuuuuu que danadinho, eu sei que pode, mas, não precisa, eu já sei muito bem”.

“Sabe? Explica isso Tia”.

“Enzo, eu sou uma mulher experiente pra saber que em primeiro lugar, uma mulher não viria á sua casa toda sexta-feira para transar com você se o negócio não fosse bom, além disso, já vi você excitado diversas vezes, hoje mesmo na piscina quando estávamos tomando cerveja percebi o volume imenso que se fez quando você ficou olhando pra minha bunda e, além disso, senti seu pau latejando na minha nuca e na lateral do rosto quando estava deitada no seu colo e para terminar, você ainda fez questão de me encoxar no final da escada”.

“Caraca Tia, desculpa aí, pior que é tudo verdade, mas, você é minha Tia, não posso ter esses pensamentos de você não né?”.

“Bom Enzo, eu prefiro não opinar nestas questões, o que eu posso te dizer que o final de semana para mim também foi muito gostoso, que tudo foi muito bom, que terei lembranças ótimas desses dias e que para uma mulher de meia idade como eu, é ótimo saber que um homem lindo e gostosão como você, consegue se sentir excitado por ela só de olhar”.

“Tia, então vamos fazer uma coisa, para selar esse dia, vamos fingir que achamos a lâmpada do Aladim e cada um tem direito a um pedido, vamos brincar?”.

“Topo, adoro essas coisas, quem pede primeiro?”

“Vamos tirar no par ou ímpar, quem ganhar escolhe quem pedirá primeiro”.

(...)

Foto 1 do Conto erotico: TIA ADELAIDE... ME AJUDA? - ( PARTE 4)


Faca o seu login para poder votar neste conto.


Faca o seu login para poder recomendar esse conto para seus amigos.


Faca o seu login para adicionar esse conto como seu favorito.


Comentários


foto perfil usuario jhtg

jhtg Comentou em 24/03/2015

está ficando cada vez melhor...........votado




Atenção! Faca o seu login para poder comentar este conto.


Contos enviados pelo mesmo autor


60637 - MAMÃE CURIOSA, QUERIA EXPERIMENTAR! - Categoria: Incesto - Votos: 91
61939 - TIA ADELAIDE... ME AJUDA? - ( PARTE 1) - Categoria: Incesto - Votos: 13
61940 - TIA ADELAIDE... ME AJUDA? - ( PARTE 2) - Categoria: Incesto - Votos: 7
61941 - TIA ADELAIDE... ME AJUDA? - ( PARTE 3) - Categoria: Incesto - Votos: 9
61943 - TIA ADELAIDE... ME AJUDA? - ( PARTE 5) - Categoria: Incesto - Votos: 8
61944 - TIA ADELAIDE... ME AJUDA? - ( PARTE 6 - FINAL) - Categoria: Incesto - Votos: 16
62281 - A MELHOR ENCOXADA DA MINHA VIDA - Categoria: Fetiches - Votos: 13

Ficha do conto

Foto Perfil enzocomedor
enzocomedor

Nome do conto:
TIA ADELAIDE... ME AJUDA? - ( PARTE 4)

Codigo do conto:
61942

Categoria:
Incesto

Data da Publicação:
12/03/2015

Quant.de Votos:
10

Quant.de Fotos:
1


Online porn video at mobile phone


contos eroticos comi a rabuda do predioquero raxa minha buceta au meio com uma pica bem gramdeconto porno minha primeira mastubaçaocontoeroticosdecornocontos secaodefotoslesbicas conto heroticocontos eróticos aposta gay e casadominha esposa aceitou contosContos sou casada e chupei dois caralhos ao mesmo tempocontos eróticos gay menino no parquinhorelatos reais de novinha que começaram da o cu cedoEnrabando a diarista conto eroticocontos barbeiro ficou sr esfregando em mimEle me comeu e levou minha calcinha e se meu marido descobrir conto eroticocontos lesb de mamae dando cu para coroas lesb comendo cosolo de cintaContos eróticos com fotos virei empregada do meu vizinho pauzudocontos de putaria sou safada meu cunhado e seu amigo me fuderaocontos eroticos de netinhas com vovoporno gay josman meu selvagem e atrevido filhocontos d corno biporno de quadrinho o amigo negro do meu filhocontos porno com vovô picudoroupas para putas exibicionistas irem jantarsogro dorme e genro soca no cu da sogracontos eroticos noiva putinha titio caralhudo safado noivo corninho safadocontos primeiro sexo grupal suruba dando pra váriosvídeo de pornô comendo o c* de Nabalcontos eroticos comendo cu da amiga e da mae delaconto tenho pintelhos nas cuequinhas de rendacontos eroticos pau grande grosso oiii ta doendo irmã choracontos eroticos aii chupa a buceta desenhodei o troco no meu marido na cachoeira contosConto erotico 12 bucetinhaContos eroticos com fotos de podolatria com a atendentecontos eroticos de madura desvirginando novinhocontoeroticoultimos contos sadoquadrinhos eróticosquadrinho porno justa causaconto erótico minha filha linda e comedorconto erotico transei com um caoputinhasafadaconto erótico de casal com secretariaContos gay pau pequenocontos louco por cunhada rabuda casada "evangelica"contos abusei dela na lavanderia na marracontos eroticos gay infanciacontos eroticos incesto entre gemeo femeninocontos gay casado cuesfoladono cuzinho maninho na sala de aula flagra de incestofotos de gay novinhos todos juntosdando o cupraia de nudismo 25cm de pau grande grosso mae chora aiiii meu cu virgemmenino ou menina últimos contos eróticosContos eroticos babácontoerotico filihas sapecasxvideis 2017comi a minha tiameu pai nua cuchupada conto eroticocontos marido me incentivou ser lesbicaContos sempre fui o viadinho de todos os homens da familiairma kavalaAyatsuri ningyou conto eroticoconto erotico patroa taradasbucetas topContos eroticos de mamae e filhas gulosas mamando nos pauzao grandao grossao dos cinco filhos numa suruba em casacearense mostrando a bucetacontoerotico.fui com a esposa fazer acumputuraporno conto mamae senhora putacontos eroticos gay o filho novinho do pastorcontos comie o cuzinho.da novinha e ela me cagoNatalia transformação contos eróticos 5pés gordinhos contos eroticostio fudendo a rabudatransei com meu sobrinhoconto de rasgei o cuzinho da minha irmã novinhaConto erotico de evangelicacontos eroticos minha bola de voleiContos eroticos de meu professor me obriga a ir na casadele pra me dar uma surradesenho de sexo voConto ai ai ui ui incestoquadrinhos eroticos em 3d da mulher fitnessbucetas escurasconto erotico gay amigos adolescênciaConto erotico o cachorro da minha amiga me chupouconto erotico gay travesti velha escravizada por coroa pirocudomae incestopag 2conto porno velho roludoporinga paocontos eróticos gostosa caindo de.bocanao acreito que minha sogra me chupou contominha tia vizinha bem novinha da buceta gorda e grande taradinha em contos eroticos caseirocontoeroticosfoto