Dei o cu pela primeira vez com a ajuda da minha irmã



O que dizer sobre mim? Bem ,meu nome é Paulo e hoje eu tenho 23 anos. Quando criança eu era um menino que hoje em dia dizem que eu era “afeminado” eu tinha uma irmã gêmea que um dia descobriu que vestia as roupas delas. Usava as calcinhas, saias e tudo o que cabria no meu corpo magro e pálido.

Quando ela descobriu eu chorei implorando para que ela não contasse para a nossa mãe. Ela sorriu e disse que não contaria, mas sim que me ajudaria. Nos nos tornamos cumplices. Com o tempo ela passou a não só me emprestar as suas roupas mas como também as maquiagens chegando até mesmo comprar para mim. Ela adorava tirar foto

- Empina mais a bunda. Faz biquinho. Deixa aparecer a calcinha. Bota o dedo na boca

Eu sempre fazia tudo o que me pedia. Quando nossos pais viajavam eu passava os dias sempre me vestindo como uma mocinha, ela sentia atração em me ver daquele jeito. Ela era dominadora. Um dia fomos para a cama e ela agiu como se fosse um homem e eu a verdadeira mulher. Não senti muito prazer, ela sabia disso. Mas gozei pelo fato dela me tratar como uma menina. Me senti uma lesbica, com pênis.

No meu aniversário de 18 anos ela disse que ia me dar o maior presente que eu poderia ganhar. Mas era surpresa. Agente saiu para a noite, ela dirigindo.

Ela me maquinou na casa de uma amiga, colocou uma calcinha vermelha com sutiã com bojo. Vesti um vestido preto bem justo com um zíper atrás. Andamos de carro pelas ruas do Rio até chegar numa boate. Quando entrei percebi que a boate era ponto de encontro para quem quisesse se divertir e ir mais além.

- Hoje eu vou arrumar um caralho para voce – me disse ela no ouvido.
Escolhi um homem. Era um moreno, forte, de ombros largos e barba. Minha mãe foi até ele, sussurrou alguma no ouvido e apontou para mim. Levantei a mão tímida e sorri para ele . Poucos minutos nos tres estávamos de um carro e só minha mae sabia para onde a gente iria.
Eu fui no banco de tras com o moreno alto

- Carlos, prazer

Ele parecia ser educado. Segurava na minha coxa pela parte de dentro , Firme. Deslizava os dedos pouco a pouco para dentro do meu vestido. Eu estava vermelha de vergonha daquela situação. Até que minha irmã entrou em um motel e subimos para o quarto. Ela me mandou deitar e me virar de bruços. O quarto era lindo.

- Ela é gostava, não é? – perguntou minha irma
- A mais linda que já vi
- O cuzinho dela é virgem – disse minha irma apertando minha bunda como se fosse um pedaço decarne. – Bem apertadinho. Pode se virar- ela mandou e eu me virei, não conseguia encarar o homem forte e nem minha irmã. – Me de o dinheiro primeiro, a puta vai valer a pena.
Carlos deu o dinheiro para ela e ela puxou o cinto dele e a calça. Eu vi o caralho imenso saltar da cueca quando minha irma puxou, ela começou a chupar aquele caralho negro. Queria deixar durinho para mim. Fiquei de pau duro quando vi aquilo.

- Sua vez irmã – disse ela limpando a boca com a mão-

Carlos veio para cima de mim com brutalidade, segurou por tras da minha cabeça e empurrou aquele mastro negro já molhado pela saliva da minha irma para dentro da minha boca. Revirei os olhos enquanto chupava o cacete. Pela primeira vez eu experimentava o gosto de um pênis na minha boca, deixei minha saliva escorrer pelo mastro. Sem avisar ele encheu minha boca com a porra quente dele. Mal deixou eu engolir e me beijou. Nunca fui beijada por um homem, foi gostoso, intenso, forte e macio.

Depois ela me jogou a cama E rasgou o zíper do vestido abrindo minhas pernas. Puxou minha calcinha e começou a lamber o meu cu rosa. Enquanto chupava meu cu batia com a mão direita uma punheta para mim. Cuspiu no meu cu e segurou a minha cintura. Quando ele colocou a cabeça eu senti dor eu gritei e chorei, mas ele não parou. Colocou a metade daquele caralho imenso e se reclinou e começou a beijar o meu pescoço

- Relaxa esse cu, minha putinha. Voce vai adorar

No canto da sala minha irma estava sem a saia e a calcinha,se masturbava enquanto via o negao que pagou para comer o irmão dela.
Depois da terceira metida o cu já tinha se acostumado com aquela rola. A dor passou e eu sentia o prazer. Carlos batia punheta para mim enquanto comia o que fazia eu aumentar o prazer. Eu nunca pensei que teria sensação melhor do que um caralho dentro do meu cu, ter um macho traçando o seu rabo, um homem de verdade. Bruto com um caralho que dar inveja e amar pelo resto da vida.

- Eu vou gozar no seu cu vadia

Dessa vez ele avisou, ele queria que eu gozasse juntinho dele. E assim foi, ele entupiu o meu cu de porra enquanto eu gozava na mão dele e na cama do motel. Fiquei deitado com ele por cima. Minha irmã veio até mim, se deitou do frente para mim, alisou meus cabelos

- Estou orgulhosa de voce irma- disse ela me dando um beijo na boca.

Foto 1 do Conto erotico: Dei o cu pela primeira vez com a ajuda da minha irmã


Faca o seu login para poder votar neste conto.


Faca o seu login para poder recomendar esse conto para seus amigos.


Faca o seu login para adicionar esse conto como seu favorito.


Comentários


foto perfil usuario

Comentou em 21/01/2017

Adorei o conto... Que tal uma festinha a tres?rs

foto perfil usuario pontes

pontes Comentou em 19/01/2017

Conto gostoso, agora tem que ter atenção começa com irmã. passa para mãe e depois volta a ser irmã.




Atenção! Faca o seu login para poder comentar este conto.


Contos enviados pelo mesmo autor


85321 - Luana, primeira vez Parte I - Categoria: Travesti - Votos: 34
85322 - Luana, Minha primeira parte Dois - Categoria: Travesti - Votos: 27
85466 - Visita surpresa do encanador roludo - Categoria: Travesti - Votos: 16
85531 - Branquinha Peituda I Assediada e gozada na cara - Categoria: Interrraciais - Votos: 31
85801 - Luana 3 Futuro - Dessa vez eu comi Bruno - Categoria: Travesti - Votos: 28
95772 - Dei a bocetinha para o professor para tirar dez! - Categoria: Virgens - Votos: 13
95773 - FICÇÃO MENINA 100 PORCENTO MAS NASCIDA COM PENIS - Categoria: Travesti - Votos: 15
95795 - Luana P4 Me vinguei de Bruno dando para três desconhecidos. ( Travesti Orgia) - Categoria: Travesti - Votos: 12

Ficha do conto

Foto Perfil jujubavermelha
jujubavermelha

Nome do conto:
Dei o cu pela primeira vez com a ajuda da minha irmã

Codigo do conto:
95807

Categoria:
Gays

Data da Publicação:
18/01/2017

Quant.de Votos:
11

Quant.de Fotos:
1


Online porn video at mobile phone


contos eróticos seios vazandocontos inversaovirei gay com minha espos comtos eroticosfoto de buceta pifado de tesaoler contos eróticos de xoxotinha e rolinhas virgemcontos a cdf cabacinhocontos de o sonho dela era dar o seu cu virgempaupequenopornogratiscontos sexo irma provocoo gordinho novinho xonto.eroticomeiri casada no porno em Uberlândiavideos contos despedida solteira punheta chupadacontos incesto verdico de mae e filhoconto erotico menina sendo encoxada no onibuscontos eroticos esposa obrigada a fuder com agiotaContos Eroticos- Amigo do Meu Marido me Fodeu e Ele Viu Tudoconto erotico esposa entalada até o sacoru confeso provoquei meu gero ate mim fudecontos eróticos nosso netinho e garoto de programa contoeroticomeusogroContos gay pau pequenoputinha de dois irmaos contoscontos eroticos macho domina o cornoquadrinhos eroticos de dokiduas traveti negra batendo ponhetaConto mauricinho pirocudomuler se a seusta com pirocao no cuvelhos gordos gays contoscomi minha tia porno quadrinhoconto erotico comi a rose junto com o carlinhoporn esposa cavalonaconto incesto o dia enque eu.cominha sogra conto erotico podemos presentede formatura da madrastadesenhos fazendo sexo[email protected]conto erótico gay meu primo chupando meu pauporno amador novinha tendo orgasmo prolongadoconto com entregador da farmáciamaegravidafilhocontoContos eroticos velhotas na zoofilia com cabritoscontos eroticos de nifeta que traiu o marido com dois amigos dele tudo rolou por causa da brincadeira do marido sobre sexoconto erotico otaxista comeu minha mae pela coridaxxx minha irmã deitada de sainha curta provocandogosadas inmensa espixadasconto excitante um pipino Fotos de pau entradadu na bucetaTo viciada na siririca contos eroticoscontos eroticos de escrava sadomizada pelo tutorcontos eróticos gay pedreiroscontos eroticos flagrei gayConto erotico Bucetinha da enteadaCONTOS DE VIZINHAS QUI FORAM FUTIDAS A FOAconto erótica minha vizinha espreita janela eu comendo minha esposasentada colo sogra contojacarés de loiro bem dotado com cena de sexo da gente assistirxvideis 2017comi a minha tiacontos gay apartamentoprimeira vez no clube swing ja virei corno mansocontos eroticos meu amigo negro e o macho da minha mulherconto erotico aposta poliamorsedutoras e marrentas parte dozecontos do vaqueiro esposa e angelica safada2 loiras apostam com caralhos pretos e enormes (contos eróticos)cu invocante 6 hentai quadrinhoscoroa suplica rola do negaofodendo a xana da minhq enteada contopai comendo o cu do filhobundudo virgem Contos Massajems iroticasLambendo o pau grande do porteiro contoconto erotico gay com tio gemeosporno gay guarda da cptm de fardaconto sexo gay apanhando do ciumentodei o cu e olha no que deu confissão