primeira buceta mamaei com recheio de porra



O tempo é algo impressionante as vezes vejo essa geração mimimim e paro para me recordar de como tudo começou, papai caminhoneiro sempre em suas viagens saia do interior de Minas Gerais para rodar pelo Brasil, após a morte de Mamãe a vizinha que era amiga da família, ficava encarregada de cuidar do filho da amiga falecida em tempo integral.
A memória me falha mas de um certo ponto de vista é possível lembrar de como a curiosidade é efetivamente o inicio de tudo na vida.
Até então era a tia sempre cuidadosa e cumpridora do seu dever de cuidar do orfão da vizinha que tinha um pai vivo mas que passava cada vez mais tempo na estrada, só que depois de um tempo a tia que era amiga de mamãe a vizinha falecida, começou a perder a atenção que tinha no pequeno órfão aos seus cuidados.
Eu percebia, eu há escutava comentando que tinha perdido a privacidade agora comigo enfiado na casa dela o tempo todo, sempre que mei pai chegava de viagem ela se esforçava limpava a casa, verificava se eu tinha tomado banho, e sempre contava como eu tinha me comportado e varias coisas, mas meu pai sempre demorava mais para voltar e sempre dava mais dinheiro para ela.
Com o passar do tempo percebi que ela não tinha namorado, mas com frequência recebia um amigo diferente as vezes um ou dois amigos durante a semana, acontece que as coisas foram mudando e ela sempre me mandava lavar louça, limpar o chão limpar o banheiro e ficava fazendo as unhas se depilando, eu nem sabia o que era se depilar mas lembro dela dizendo:
- Agora presta atenção depois que eu me depilar você vai limpar o banheiro, e quando meu amigo chegar você fica no quarto e só sai de lá quando eu mandar.
Ocorre que conforme o tempo foi passando além de faxineira ela me fazia ser garçom dela e do amigo, eu tinha de levar petiscos retirar os pratos os copos levar bebidas e ficava na cozinha obedecendo apenas obedecendo até ela me mandar ir para o quarto.
Mas algo diferente começou acontecer, eu comecei a ficar interessado no que ela fazia, e comecei espiar, naturalmente a mão parece ir para cima da cabeça do pau eu nem sabia o que acontecia mas estava eu batendo punheta, espiando e ouvindo a tia transando com seus amigos.
Ela parou de fazer praticamente tudo e adorava me mandar fazer o que ela recebia para fazer, eu fazia coisas desde ir na padaria até janta, motivo esse que eu sei cozinhar e gosto de cozinhar até os dias de hoje. O fato é que ela percebeu que eu gostava de espiar e ela sempre falava seja bonzinho que eu te deixo ver escondido.
Ela era rude comigo, mas era um doce para os amigos dela, ela me mandava mentir para meu pai dizer q fiquei doente eu ela cuidou de mim comprou remédios e sempre que ele viajava demorava mais para voltar e ela tirava mais dinheiro dele.
Aqui em Minas temos mutias fazendas, e as vezes os vizinhos ficam um tanto distante um dos outros, mas me recordo que uma vez meu pai deu uma grana para ela que ela ficou muito feliz, tanto que ela ligou para uma prima e disse que queria fazer um churras para comemorar que ela havia recebido um aumento para cuidar de mim, sei que essa prima veio e elas ficaram bebendo e comendo praticamente o dia todo, ela estava tão feliz que em um determinado momento urinou no shorts de tanto rir com a prima, sem cerimônias ela tirou o shorts a calcinha me chamou e me mandou lavar a roupa dela antes mandou eu levar outro shorts, a prima dela protestou mas ela disse algo nem liga eu deixo ele ver eu meter ele já me viu pelada as duas riram muito até que a prima dela disse só falta você fazer ele lamber sua xota melada de porra.
Mas a conversa parou por ai e fui lavar a roupa dela, com o passar dos dias ela recebeu um amigo, só que nesse dia ela disse olha hoje você se esconde porque ele vai vir e vai embora rapidinho e não quero ser interrompida, rapaz o cara foi rápido lembro que eu estava assistindo Chapolim quando ele chegou, ele foi embora e estava começando o Chaves eu fiquei feliz porque gostava do Chaves.
Curiosamente ouvi um grito a tia estava me chamando, fui ver o que ela queria e para minha surpresa ela ainda pelada na cama disse:
- Carlinhos, você viu que meu amigo teve que ir embora rápido então hoje você vai virar homem e é o seguinte se você falar alguma coisa eu para de cuidar de você e seu pai vai ficar bravo e vai te largar na rua.
E foi assim que iniciei minha vida sexual, lambendo uma buceta melada de porra, coisa que aconteceu muitas vezes depois, eu lambi essa buceta melada muitas vezes e uma vez lambi a buceta da prima dela também toda melada de porra, e nem sei quantos anos isso durou só sei que eu fazia tudo que ela mandava e fiquei viciado em bater punheta e chupar buceta.
E hoje eu vejo essa molecada cheia de bobeira cheia de frescura, geração mimimi por isso que essa molecada de hoje só pensa em dar a bunda eu nem ligo que chupava buceta melada de porra era o que tinha e lambia com gosto lambia buceta lambia cú.
Depois descobri que meu pai tinha outra família e acabei me mudando para São Paulo e nunca mais vi a tia mas até hoje eu me recordo da putaria o mulher gostosa ela e a prima que era mais safada que ela, a prima que deu a ideia e da vez que chupei a prima dela chupei com o pau do cara dentro da buceta mas isso é uma história para o outro dia.

Faca o seu login para poder votar neste conto.


Faca o seu login para poder recomendar esse conto para seus amigos.


Faca o seu login para adicionar esse conto como seu favorito.





Atenção! Faca o seu login para poder comentar este conto.


Contos enviados pelo mesmo autor


96243 - PRIMEIRA BUCETA MAMEI COM RECHEIO DE PORRA PARTE II - Categoria: Virgens - Votos: 5
96262 - PRIMEIRA BUCETA MAMEI COM RECHEIO DE PORRA PARTE III – A REFLEXÃO - Categoria: Virgens - Votos: 2
96265 - A NAMORADA RECHEADA DE GUARULHOS - Categoria: Traição/Corno - Votos: 6
96267 - BUCETA TEM QUE SER COMIDA - Categoria: Heterosexual - Votos: 10
96318 - A DAMA sEm O VAGABUNDO - Categoria: Heterosexual - Votos: 3
96480 - DO CHAT DO UOL (SALA DE CORNO) PARA O MEU QUARTO - Categoria: Heterosexual - Votos: 7
96486 - A DAMA sEm O VAGABUNDO (entrevista parte I) - Categoria: Heterosexual - Votos: 4

Ficha do conto

Foto Perfil carlitos340
carlitos340

Nome do conto:
primeira buceta mamaei com recheio de porra

Codigo do conto:
96241

Categoria:
Virgens

Data da Publicação:
28/01/2017

Quant.de Votos:
3

Quant.de Fotos:
0


Online porn video at mobile phone


contos eróticos me exibindo pro negãocontos eroticos gay infanciaconto erotico quero leitinho papaifui forcada a chupar papai[email protected]cenas de namoroquenteconto erotico a menina crente classicocontos eroticos em quadrinhos estestomilftom visitando a primafodi a cadela contosvovo urso gay contosContos gay pau pequenoviadinho meu pai tem um bar contos eróticos magrinha contos eroticoscontos eroticos de lendo contos eroticos no computador femininoTomando na xotade calcinhaenrabeiajudando minha filha contos incestocontos gay me drogou e me vestiu de mulher pra me comercontos eroticos primeira traicao esposaeu na minha moto eu levei pro motel a irmã do meu amigo eu tirei a virgindade da buceta dela conto eróticocontos herotico taduendoconto erotico em quadrinhõContos erótico d novinha a conduzir cm um vestido mostrando a sua calcinhaolinda contos gaycontoscom fotos travecas safadasLingua na buceta contosdui estrupado por paipai e seus amigos conto erotico gaycontos eróticos publicados Fiz grupal para me vingarconto pinto nia seiosfotos caseiras de lactofiliaconto erotico vadia do ranchoconto erotico de metendo na dona mara a patroaConto erótic lesbicos duas me xuparam no Parkcontos erotico icesto calca lelggComi o cu do meu pequeno Ele cago no meu pale incestoP0rno corno espera mulher japinha na massagemMassajems iroticas contosindia contos eroticos quadrinhoContos de ninfetas sem calcinhaflinstones eroticocontos safados professor brutoPorno Leiturista da luz chupou os peitoscontos intimos de uma menininha pindacontos eroticos pai gostosoConto de gang bang no posto de gasolinacontos eroticos gay pau suadocontos eroticos comi minha avócontos eroticos amiga rabudaconto erótico com a amiga da mamaecontos eroticos o mecanico.da minha esposaminha tia gostosa dando para mim com 22 centímetrosfiquei com as pernas abertas enquanto ele me comia/contocorno mijado contosfilho vendo mae mija desenho pornocontos eróticos de punhetaafilja provocamdo o pai dai eles trasancontoeroticopatroascontos bêbado guadrinhoContos eroticos a advogadaconto erotico olhando bucetao da mulher vizinha buraco murroincest hentai comics meninas safadas do titio da roçaconto erótico incesto mãe com dois filhosContos eroticos de gaysinhos bundudoscontos foryes de mastubatcontos eroticos gay guardaquadrinho erotico cavernasimpsons pornôs Contos eroticos com maridos que flagaram a esposa mostrando a bucetaMinha Furry Conto Eroticoconto erotico mamando nastetas de minha irma e meu cunhado mamando no meu pauconto erotico travesti namorando de calca legconto erótico ele enfiou a mão na minha buceta fiquei doloridaputinha inplorando po pai fode seu rabinhopagamdo aposta que perdi para meu irmão xvideocontoeroticoabusocontos eróticos fantasia marido bebado