Nininho



Nininho

Bom dia a todos, gosto muito de ler conto erótico e me masturbo muito nesse site, hoje sou casado e tenho duas filhas lindas e uma esposa maravilhosa com um corpo maravilhoso que me dá muito tesão, ela é cinco anos mais nova que eu mas já era bem rodada quando a conheci, com uma vasta experiência sexual, a história que vou contar aconteceu a uns anos atrás, estava com 19 anos e tinha um grupo de amigos, éramos em seis, inseparáveis, eu sempre fui o mais alto da turma e também era o que mais tinha cara de pau e atitude com isso eu era praticamente o líder da turma, nesse anos nós resolvemos passar o carnaval em uma cidade próxima a nossa, que era maior e com a vantagem de termos poucos conhecidos por lá, então poderíamos fazer farra a vontade, um dos meus amigos tinha um tio que iria viajar com a família no período do carnaval e pediu para esse meu amigo cuidar da casa dele, três quartos sendo duas suítes, piscina, churrasqueira e sauna a vontade, claro que ele topou.
Bem uma semana antes de irmos nós nos reunimos para estabelecermos algumas regras e planejarmos a viagem, após combinarmos tudo só faltava a distribuição dos quartos, como não houve consenso o Tiago sugeriu uma disputa de truco pra decidirmos, três duplas que a medida que iam perdendo trocávamos os parceiros e um ponto para cada um da dupla ganhadora, foi assim até todos termos tido todos os outros como parceiros, como estávamos bebendo e jogando o próprio Tiago sugeriu que os três perdedores ficassem o tempo todo durante a viagem vestidos de mulher, seriamos três casais na casa, todos concordamos pois o carnaval dessa cidade tem um bloco tradicional de homens vestidos de mulher e a gente ia pra se soltar mesmo, bem acabou o jogo e eu fiquei em uma suíte com Nininho, como o nome sugere ele é o mais baixo da turma e o mais tímido e reservado, tem um corpo delicado e sem pelos com traços femininos, tirávamos muito sarro dele e fazíamos muitas brincadeiras como passar a mão na bunda, apertar o biquinho do peito, puxar ele pra sentar no nosso colo e assim vai, ele sempre levou na esportiva nunca brigou ou reclamou quando puxávamos ele pro nosso colo ele muitas vezes lá ficava de boa sem reclamar e continuava conversando normalmente, do meu colo mesmo ele só levantava quando meu pau ficava duro e incomodava ele, então ele olhava pra mim, dava um sorrisinho e ia sentar em outro lugar, nós não achávamos que fosse gay por causa dessas atitudes já que ele era o mais bonito da turma e o que mais pegava mulher, inclusive comi muita amiga das mulheres que ele pegava.
Na quinta feira, um dia antes de viajarmos, nos reunimos de novo após as 18:00 para conversarmos e bebermos, os três perdedores estavam de machinho ainda, já puxei minha companheira pro meu colo e ficamos conversando e bebendo, quando já era umas oito horas o Rodrigo que estava com o Tiago no mesmo quarto também puxou ele pra sentar no seu colo e ficou alisando a perna dele, Tiago deixou de boa, Paulo se empolgou e pegou na mão do Everton e colocou em cima do seu pau, ele puxou na hora e disse que se fosse assim ele não iria mais, Paulo pediu desculpas e puxou ele pra sentar no seu colo também coisa que ele não reclamou pois os outros dois perdedores estavam se sujeitando sem reclamar, um detalhe que esqueci de mencionar foi que dessa vez mesmo com meu pau duro o Nininho continuou sentado no meu colo.
Adolescente com álcool na cabeça não tem idéia alguém sugeriu irmos hoje mesmo pra casa do tio do Tiago, todos concordaram e como íamos no carro do Roberto ele saiu de casa em casa pegando as malas e outras coisas, a minha foi a ultima, e como estávamos em seis alguém teria que ir no colo, claro que puxei Nininho pra sentar comigo, todos entenderam já que ele era o menor mesmo, quando chegamos na casa dele eu desci junto e fui com ele pegar as suas coisas, perguntei a ele onde estavam as roupinhas de menininha dele e ele me mostrou uma bolsa da irmã dele, coisa de menina mesmo, abri e olhei, só roupas velhas e comportadas, só achei uma mini saia e um top que deixava sua irmã um tesão, falei pra ele que queria minha garota mais provocante, ele riu e disse que aquelas roupas já deram trabalho pra ele conseguir sem chamar a atenção da sua irmã, disse a ele que iria dar um jeito, fui n quarto da irmã dele e bati na porta, ela mandou entrar e quando me viu achou que fosse outra coisa porque eu sempre dou em cima dela e até já consegui algumas coisas, expliquei a ela sobre o carnaval e a aposta e disse que queria sacanear o Tiago e queria uma roupinhas bem de vagabunda mesmo, ela brincou, ta me chamando de puta é?, mas deixou eu escolher algumas coisas, só peguei as que me deixavam de pau duro sempre que via ela vestida, joguei tudo na mala do Nininho e dei uma calcinha fio dental linda e vermelha pra ele e mandei ele vestir, ele sorriu e falou que ele só seria minha menininha a partir de amanhã, falou isso de forma bem dengosa e sensual, ele pegou a calcinha da minha mão enfiou na bolsa e falou pra eu ir indo pro caro que ele tinha que usar o banheiro antes, fomos embora, a minha casa foi a ultima sai de lá com uma mala e uma mochila, todos me sacaneando falando que eu estava de mudança.
Na estrada eu de pau duro o tempo todo e Nininho praticamente deitado em cima de mim com a cabeça na janela e o braço esquerdo em volta do meu pescoço, estava muito gostoso e comecei a passar a mão nas suas coxas, atrás estavam as três “meninas” e eu elas dormiram rápido por causa do álcool, e na frente Roberto e Carlos não paravam de conversar e não percebiam o que estava acontecendo atrás deles, tirei a mão da cocha dele e passei a massagear os seus peitinhos vi logo que ficaram eriçados, ele estava gostando, senti ele fazendo um cafuné em mim e aí me soltei mesmo, como ele estava de short de futebol passeia a enfiar a mão por dentro do seu short e acariciar o bumbum dele, fui tão longe que senti que ele havia vestido a calcinha que eu mandei, falei bem baixinho no seu ouvido que ele era uma delicia e eu estava louco pra chegar logo, ele apenas riu.
Já na casa fomos para os quartos e fomos desfazer as malas, na mala do Nininho só tinha roupinhas femininas, a única roupa de machinho era a que ele veio, fiquei em êxtase quando ele tirou a camisa de um time de futebol e vestiu um topzinho da sua irmã, tirou o short de futebol e vestiu um de licra bem justinho e socado no bumbum, nem me deu tempo de falar nada ou fazer nada já saiu do quarto e foi chamar o pessoal pra uma piscina e mais cerveja, tirei minha roupa e coloquei uma sunga, o pau duro o tempo todo, fiquei um pouco com vergonha mas fui assim mesmo, cheguei lá fora estavam todos de machinhos só ela de menininha, ela ameaçou trocar as roupas e eu falei que as outras iriam se trocar, elas falaram que o combinado seria a partir de sexta feira, olhei pro relógio e falei que já era sexta feira a uma hora e quarenta minutos, ainda tentaram argumentar mas no fim foram se trocar também, começamos a beber e bateu uma fome enorme então falamos pras meninas irem pra cozinha e preparar um arroz e uma vinagrete pra gente fazer um churrasco, os homens foram a um mercado 24 horas e as meninas começaram a cozinhar, ainda tentei não ir pra ficar apreciando as mulheres na cozinha mas não teve jeito, quando chegamos a comida já estava quase pronta e nós começamos a preparar o churrasco, elas terminaram e foram pra perto da piscina, quando vimos a intenção delas de entrar, falamos que tínhamos comprado umas surpresinhas pra elas, fui buscar no carro e entreguei um embrulho pra cada uma, eram biquínis bem cavados, os outros compraram três modelos diferentes eu comprei só um já que havia me preparado para a ocasião, comprei varias coisinhas pra minha gatinha durante a semana toda, no principio para sacanear mas depois eu fui só escolhendo coisas que realmente a deixaria mais mulher.
De novo Everton não queria usar biquíni mas acabou colocando e foi nadar, o Nininho ficou lindo no dele, um modelo rosinha com um babado na lateral da frente bem curtinho, ele era de amarrar dos lados e era bem cavado atrás, quando ele chegou olhei direto pra onde deveria estar o seu pau mas não aparecia nada, como era a minha vez de olhar a carne ele foi até onde eu estava e perguntou se eu tinha gostado falei pra ele que só não ia dar um beijo nele naquele momento por que os outros iriam estranhar, ele sorriu e foi pra piscina, o Roberto e o Carlos vieram falar comigo e vieram com um papo de ir revezando as meninas nos quartos eu falei que jamais iria permitir que a minha garota dormisse no quarto de outro homem todos rimos e fomos pra piscina também, já cheguei abraçando Nininho e passando a mão por baixo da água, inclusive onde deveria estar o seu pau, ele viu que fiquei curioso e me disse em voz alta sem se importar com os outros ali perto que ele ficava de pau duro o tempo todo com o biquíni e então bateu uma siriríca e quando ele amoleceu ele colocou pra trás como as travestis fazem, inclusive ele disse que os ovinhos entravam na casinha e não dava muito volume, os outros ficaram curiosos, principalmente o Tiago, Nininho disse que iria ajudá-lo depois, ele disse que tinha que ser agora e chegou perto do Nininho e puxou sua mão, não deu pra ver mas todos percebemos que era pra pegar no seu pau, Nininho riu e disse vamos lá então, saíram em direção ao banheiro de fora e o Paulo falou pro Everton ir também, ele disse que não e que iria ficar de pau duro ali mesmo quem não quisesse ver era só não olhar, falou isso e pegou a mão do Paulo e colocou em cima do seu pau, Paulo ficou segurando acariciando por um bem tempo e Everton ficou com raiva pois não conseguiu o que queria que era provocar o Paulo, inclusive o Paulo disse que ele quase gozou dentro da piscina.
Nininho e Tiago saíram do banheiro um bom tempo depois, eles explicaram que tiveram que dar um jeito de amolecer o pau do Tiago primeiro, Tiago não era tão bonito quanto Nininho mas confesso que eu comia fácil fácil, ele estava em um biquíni preto que contrastou muito bem com sua pele clara era bem cavado e sem detalhes ele tinha uma bundinha linda também e tinha poucos pelos bem clarinhos, parecia que ele havia descolorido, Roberto quando viu ficou louco olhando para ele e falando que era igual uma bucetinha olhando por cima do biquíni, Tiago entrou na onde e disse um “obrigada” bem anasalado igual as travestis e colocou os dois braços em volta do pescoço do Roberto como namoradinhos mesmo, Roberto ficou sem jeito e passou a mão em volta da cintura dela e puxou, acho que pra beijar, ela só abraçou ele e deu um beijinho no rosto dele e pulou na piscina.
O Carlos ficou o tempo todo ao lado do Everton mas com receio de levar outro corte, só puxava ele pra sentar no colo e ficava com a mão na coxa dele, a principio parada mas depois foi alisando bem devagar e discreto, o Everton só reclamava se outro visse, ficamos conversando até tarde e todos fingindo que não via o avanço do Carlos pra não atrapalhar ele em sua conquista.
Por volta das três horas nós fomos deitar e cada um pegou sua garota e foi pro seu quarto, Nininho foi de mão dada comigo até o quarto, reparei que o Carlos pegou na mão do Everton também e ele não falou nada, gritei pra que todos ouvissem que era carnaval e que aproveitassem o máximo que quarta feira acabava a festa, todos riram e entraram em seus quartos, quando tranquei a porta Nininho me abraçou e me deu um beijo muito gostoso segurando meu pau disse que isso era uma loucura, mas que ela estava adorando, quando parti pra cima dela tirando as nossas roupas e colocando ela pra me masturbar ela me afastou e disse que precisava de um banho antes falei que não, mas não teve jeito, ela abriu minha mala grande e pegou um aparelho que eu comprei pensando nela pra fazer lavagem intestinal, fiquei surpreso e ela me falou que em um momento em que ela veio ao banheiro do nosso quarto, pois o de fora estava um nojo e não era banheiro para uma menininha se sentar pra fazer xixi, ela ficou muito curiosa com uma mala daquele tamanho pra um homem durante o carnaval e todos só usam bermudas por aqui por causa do calor, então ela abriu a mala e deu uma olhadinha, rimos e ela foi para o banheiro e me pediu para que eu aguardasse fora do quarto pois ela estava com vergonha dos sons que poderiam produzir e do cheiro também, falei que poderia ajudá-la mas ela foi categórica e disse que isso era muita intimidade, me deu um beijinho e já ia me expulsando do quarto quando falei pra ela que tinha um produto de higiene pessoal pra ela usar e estava na minha mala também, ela agradeceu e me empurrou e deu um último beijinho e trancou a porta.
Já estava quase cochilando na sala vendo sei lá o que quando ela chegou toda perfumada em uma roupa de dormir muito sexy, também da minha mala, ela disse que achou nas minhas coisas e deduziu que fosse para ela mesma por isso tomou a liberdade de vestir, me pegou pelas mãos virou de costas e fomos abraçados até o quarto com meu pau duro roçando naquela bundinha linda.
Amigos infelizmente terei que dividir o conto, está muito longo e fica cansativo assim.
Beijo a todos.

Foto 1 do Conto erotico: Nininho

Foto 4 do Conto erotico: Nininho

Foto 5 do Conto erotico: Nininho


Faca o seu login para poder votar neste conto.


Faca o seu login para poder recomendar esse conto para seus amigos.


Faca o seu login para adicionar esse conto como seu favorito.


Comentários


foto perfil usuario

Comentou em 31/03/2017

Delícia




Atenção! Faca o seu login para poder comentar este conto.


Contos enviados pelo mesmo autor


97328 - nininho 2 - Categoria: Travesti - Votos: 7
97384 - Nininho 3 - Categoria: Travesti - Votos: 4
98758 - Nininho 4 - Categoria: Travesti - Votos: 10
102313 - Nininho 5 - Categoria: Travesti - Votos: 16
102503 - Nininho 6 - Categoria: Travesti - Votos: 11
102830 - Nininho 7 - Categoria: Travesti - Votos: 8
102994 - Nininho 8 - Categoria: Travesti - Votos: 10
108383 - Nininho 9 - Categoria: Travesti - Votos: 15
125488 - esposa viajando - Categoria: Gays - Votos: 16
125652 - ACAMPAMENTO - Categoria: Grupal e Orgias - Votos: 21

Ficha do conto

Foto Perfil tranqueira
bombeiro.safado

Nome do conto:
Nininho

Codigo do conto:
97311

Categoria:
Travesti

Data da Publicação:
26/02/2017

Quant.de Votos:
9

Quant.de Fotos:
3


Online porn video at mobile phone


www.quero ver fotos de seios vazando leite com tesaoHistoria vizinha velha dando bucheta contoContos erótico o cu da mamãebiscate fudendo no telhado contos eroticoscontos eroticos eu e o pai gostoso do meu melhor amigoconto sobre sexo na escolaconto erotico casada com vizinho picudoultimos contos sadoconto de encesto sou filho único mamae e casadaConto erotico me casei com um homem velho e ricoconto fudendo crossdessercontos eróticos dona luciameu priminho gordinho viado conto erotico gaynaroladuracontos eroticos meninos padrinhoultimos contos sadogrelo grande avantajado pedindo carona pra marmanjoultimos conto sadobunda branca contocontos sexo irma provocodesenhos eroticos gaysConto porno de avo da minha amiga me comeuFotos incesto com filho e noraFinalmente,comi a rabuda.conto eróticoconto sexo pauzudo insaciavelSercarlos01pai e filho tomando banho jumto de pau durodicas de com espiar madrasta ,prima,tia peladaconto esposa quer emprenhar[email protected]contos eroticos prima calcinhaconto erotico de genrocontos travesti e a amiga casada dando o cu juntasconto erotico tímidometlendo na filha no hentaiconto erotico pastorContos eroticos vi meu cunhado cravado no cu da minha mulherssexo com o dedocontos eroticoscontos eróticos gritava que nem uma louca, me xingavacontos com fotos de casadas sendo fudidas por pirralhos do pau giganteconto erótico de gordinha cavalacoroas gostosas da b***** arreganhada que deixa cachorro gozar dentro SofiaFotos bucetinha apertadinha sendo arrobada com picaoaposta da minha mae contos eróticoscontos peguei a teepada marido filhawww.conto erotico de o vampiro comeu a mulherhistoria em quadrinho de porno gayConto erotico a putinha rabuda do busãocontos erotucos no quintalcontos conquistei papai pauzudofamilia kemal capítulo contos eróticos 1hentai gay pt brEMPREGADA FAZENDO MALDADES COM A FILHA DA PATROA CONTOS EROTICOScasal bi sexualMulheres deitada enfeitando o dedo na bucetasContoeroticoporcocontoerotico sou tavesti gostosacontodebucetonasiririca ba amigas contocontos super safadosConto erótico vizinha travesti conto erótico comendo a estudante gostosaultimos contos eroticos de filha com.papaicontosanimespornocontos eroticos em quadrinhos de primo gatinho dando um trato com a lingua e o pica na buceta da priminhaconto erotico maninho ciumeempregado negro comeu minha mulher na praia de nudismo, contoEu e minha namorada no streep poker contoscontos erótico paizão enrabou filinho gayConto gato zoofilia cheiro boceta meladacontos eroticos zezinho vizinhoquadrinhos de incestosconto erotico levando pica na bucetaContos e fotos filhas boazudas e papais pauzudosquadrinhos eroticos o caminhoneiro arrombou minha mulherconto erotico vou te arrombar vadiaConto erotico tia tesudaporn freira omaleycontos eróticos gay meus amigos mi levaro para matofotos sexo quadrinhos desenhoscontos eróticoscomi minhanamoradafui bem comida pelo meu motorista meu marido sabe que ele tem me comido ja a anos e ate tenho três filho com ele porno contocontos eroticos a primeira vez com ginecologista lesbicaestupro chupando grelo grande até ferircabecinha dentro do cuzinho dela + papaimeu ex me fudeu na frente do cornoconto erotico transando com minha irma bebadanua na rua contocontos minha filha.desfila nua quer ser fudidavelha leve garato novinho pra casa foderdeflorando anoiva no motel com varia garotas pornovizinha chantagem anal contotitiy a camisinha ta dentro conto eroticocontos eróticos esposa vira ponta de um negão dotado perto do maridoContos meu cu mordei o pal enormecasado;urologista;contos eróticoscontos eroticos minha sogra e minha empregada