Dois homens arrombaram o meu cú como uma PUTA.



A história que vou contar é verdadeira e neste texto tenho certeza que vou exilar o leitor.
Sou branquinha, tenho 22 anos, sou magrinha, tenho olhos verdes e sou bem safada.
Estava em Porto Alegre me prostituindo, não estava me prostituindo porque gosto e sim por dinheiro e por uma raiva comigo mesma.
E uma noite, quando terminei, resolvi pegar um taxi para ir dormir em um Motel.
O taxista era um rapaz jovem, gordo, mulato com altura de 1,75 e que conversava bastante. Ele perguntou se eu não tinha vontade de me divertir, e disse que sim, e me convidou para uma cerveja. Eu aceitei o convite, fomos para um bar e ficamos bebendo e falando de nossas vidas, até que bebi tanto que pedi para que me levasse para um motel.

Quando entramos no quarto, eu estava bem louca de beber e outras coisas, comecei tirando a roupa, e chupando.
Ele pegava no meu cabelo com força e me batia na cara enquanto dizia:
-TOMA TODO O MEU LEITE SUA VAGABUNDA, VOU TE USAR TODA.
Senti tesão de estar sendo usada. Uma sensação de estar sendo bem puta e dando prazer para um desconhecido.
Chupei até ele gozar na minha boca....engoli toda a porra.
Depois me botou de costas deitada e começou a me comer sem parar a boceta e assim foi até que chegou em um momento em que eu comecei a ficar mal.
Então ele ligou para um amigo também taxista.
-CARA, VOCÊ PODE VIR PARA O MOTEL ESTOU COM UMA MINA E ELA NÃO TA MUITO BEM, PRECISO DE ENERGÉTICO.
Desligou o telefone. E logo após 20 minutos o amigo dele bateu na porta.
Ele era magro, estatura mediana, branco e 27 anos.
-VAMOS BUSCAR ENERGETICO.

Depois de irmos buscar o energético, voltamos ao Motel.
O mulato com cara de safado olhou para o amigo e….
-CARA VAMOS ENTRAR, CURTIR UMA FESTINHA COM ESSA MINA, ELA ESTÁ LOCONA MESMO. VAMOS APROVEITAR.
Eu cheguei no quarto usamos o energetico e fiquei muito louca.
Tiraram minha roupa, Abaixaram as calças e me fizeram chupar rindo e dizendo todo o tipo de bagacerice:
-VADIA.
-PUTA.
-CHUPA MEU PAU.
-TIRA TODO MEU LEITE.
Era um pau, depois o outro, um metia e depois o outro.
Me pegavam pelo cabelo com força e metiam o pau até o fundo, um deles começou a me dar tapas na cara me humilhando.
-ENGOLE TODO O MEU LEITE SUA PUTA.
Gozaram na minha boca e cara, e eu engoli toda a porra e senti tesão para dar.

Primeiro o mulato tomou a iniciativa, me virou de costas me pos de quatro encima da cama e meteu na minha buceta segurando na cintura puxando o cabelo e dizendo
-VOU TE USAR TODA.
O Branco chegou se ajoelhou na cama frente a mim e meteu o pau na minha boca, me senti uma vagabunda.
Ficamos nesta posição por algum tempo então o branco me puxou pelos braços e me pos encima dele comendo minha buceta, e chupando meus pequenos e lindos peitos, naquela posição sabia que o outro poderia vir por traz e senti a vontade de ter dois paus dentro de mim e disse
-METE NO MEU CU.
O mulato se preparou pegou meu cabelo com forca com uma mão enquanto a outra direcionada o pau no meu cú e começou a meter, agora os dois dentro de mim, enquanto o mulato me comia me batia no rosto e eu pedia.
-ME BATE, ME USA, ME CHAMA DE PUTA....
-SUA PUTA, VAGABUNDA, CADELA...
Gemia de dor e prazer dizendo;
-METE MAIS, METE COM FORÇA,
Escutando
-VAMO TE ARROMBA VADIA.
-TE USAR COMO UMA PUTA
Seguimos esse ritmo violento por bastante tempo, o prazer foi se transformando, a dor aumentava e a forma que me tratavam já nao parecia tão excitante e queria um tempo.
-PARA NAO AGUENTO MAIS.
Não importou nada para eles ao contrario isso os exilou mais e como em um estupro e meteram ainda com mais força e violencia, tive de suportar por mais algum tempo, até que o mulato gozou enchendo meu cu de porra seguido do branco que gozou também na minha buceta.

Depois disso o mulato tirou o pau do meu cú, e deixou o branco começar meter nele, eu estava em pé ele me virou, me apoiei com as mãos na cama, dobrei uma das perna e pus o joelho apoiado também na cama, ele segurou minha cintura e meteu com força no meu cú. Eu com tesão me senti uma puta sendo usada sem parar, e deixei ele me foder assim até gozar.
Mas ele queria mais, ai tirou da minha bunda o pau sujo de merda e voltou a meter no meu cú em uma nova posição, me jogou na cama abriu minhas pernaças colocou as pra cima e segurando elas começou a fuder o meu cú novamente.
Ele só gemia de prazer, e me olhava com uma cara de tarado.
Eu já não aguentava mais ser usada por horas como uma vagabunda, sentia dor e estava exausta mas ele não parava de me comer meu cu ai eu gritei..
-NÃO AGUENTO MAIS PARA…
Mas ele não parou, seguiu até que gozou no meu cú todo arrombado que já estava cheio de porra, depois foi ao banheiro se lavou colocou a roupa se despediu do amigo e foi embora, sem me dizer nada.

O mulato filho da puta não estava satisfeito e tinha que vir me usar mais, botou o pau na minha boca e me fez chupar.
Chupei ele até gozar.
Ele disse:
-TOMA TODO O MEU LEITE, SUA VAGABUNDA.
-AHHHHHHH, NÃO AGUENTO, PARÁ.
Até hoje consigo me lembrar do gosto da porra dele, azeda e nojenta. Tive que engolir tudo, fui obrigada por medo que me batesse.

Sem um pausa, após o boquete tive que deixar o meu corpo ser novamente explorado por este porco nojento, que me puxou como se eu não fosse nada, me botou de costas e enfio o pau dele no meu cú com força, só me recordo das palavras que disse enquanto via meu sofrimento.
-SUA CADELA, VOU TE DAR MAIS PORRA NESTE TEU CÚ.
eu só respondia:
-PARA EU NÃO AGUENTO MAIS.
Me batia, ofendia, puxava meu cabelo.
Socou o pau dele até gozar, me deixou lá jogada, eu apaguei estava exausta.
Pela manhã despertei e fomos embora, além de ser usada também tinha sido roubada, metade do meu dinheiro levaram.
FIM


Faca o seu login para poder votar neste conto.


Faca o seu login para poder recomendar esse conto para seus amigos.


Faca o seu login para adicionar esse conto como seu favorito.





Atenção! Faca o seu login para poder comentar este conto.


Contos enviados pelo mesmo autor


97538 - Aluninha safada - Categoria: Fantasias - Votos: 7
97568 - Fantasias de uma putinha - Categoria: Sadomasoquismo - Votos: 6
97667 - Sofrendo com dois pedreiros em uma obra... - Categoria: Sadomasoquismo - Votos: 13
97858 - REALIZANDO MEU DESEJO COM OITO HOMENS - Categoria: Grupal e Orgias - Votos: 13
98249 - Dupla penetração com brinquedinhos - Categoria: Fantasias - Votos: 11
98660 - Festinha a três-realizando meu marido. - Categoria: Fantasias - Votos: 4

Ficha do conto

Foto Perfil casalbal2
casalbal2

Nome do conto:
Dois homens arrombaram o meu cú como uma PUTA.

Codigo do conto:
97368

Categoria:
Sadomasoquismo

Data da Publicação:
27/02/2017

Quant.de Votos:
11

Quant.de Fotos:
0


Online porn video at mobile phone


contos eroticos gordinha novinhacontos eroticos mulher perdidacontos eróticos comi minha prima me pede uma massagem doce nanda contos eroticoscontos erotico meu padrasto me comeu eu gemi falando sacanagemconto erotico de marido gosta de rolamuler se a seusta com pirocao no cuquadrinhos eroticos filho atrevido 2xvídio encochando de legueos melhores conto erotico entre familha com fotosconto de garotos novos comendo cabrita escondidos papai roludo comeu meu cuzinho eu falei ai papaiERITO SO JAPA ENCOXADA NA BUNDASfilhas dando o cu para o paiconto erotico minha namorada dançando forro com meu tiogostosas hentaiinquilina casada transa com o dono cormo vai trabalhacontos exitantes meu amigo garanhão comeu meu cabacinhoO pedreiro me estuprou contoscontos real de incesto demaes fudendo com filho menor de dezesseis anosHentai fuckstoneela nao aquento mas pus tudo no cuzinho conto pornoContos eroticos filho de sunga pausudo grosso cabesudo contos amante de pegadano conto erotico melho tramsa d minha vida foi com minha mae e minha tiaporno as brasileira casada da o cu apedadiho pro amatecontos eroticos beira de estradaminhs mulher ruiva e o negao pintor contocontos eroticos transei com meu sogrosexo 69 ate gozarCONTOS EROTICOS MEU AMANTE COMEU MEU MARIDOContos eroticos de primas submissa por primos no sexoMeu filho comeu minha buceta cabeluda casa dos contosconto eroticoevangelica escravacontos erticos comendo a rabada da minha tiaEstourei um cabaço contosconto erotico gay menino deu o cu para o engraxatecontos eroticos dando a buceta por dinheiroquadrinhos porn gaycomendo as duas contos eroticosarpaisexconto incesto comeu a filhinha do amigo durante a viagemDesabafo de uma mae cap.XXIIIcontossexporno mae assediando filho rockeiroquadrinhos eroticos estupradas na marrabucetao veiaconto incestoentrei no quarto da mae comi ela em quanto papai dormiaquadrinho humilhado crossdressercontos eroticos dando presente para a cunhadinhaconto erotico de garotos estrupadas pelo amigo em quadrinhos -banda desenhadacontos eroticos eu e meu pastor alemâoputa.arrombadacontos esposa e o negao5 sado contos eroticosquadrinho eroticonifetinha de chortmulhe na zoofilia en pe si esfregano no caxorroloiros dotadosno tempo da escravidão conto erótico gayconto gay crackudofrancinecross crossdressConto erotico pastora coroaConto erotico torturaloiras de pernas bandas de levar varada do pirocudo pornoconto gay sarrando minha bundaporno marido leva amigo pra tomar um banho em sua cada e sua esposa frago homem na pumhetapunheta na escola contoouvi um barulho estranho de noite fui olhar era meus pais trasando video pornocontos eróticos categoria casais portuguesescomi meu sobrinho no pique esconde contosgayCONTOS EROTICO CHANTAGEANDOconto erotico. fuder com empregadoConto porno meu marido me apresentou seu amigo do pau grandeEspasmos gozo gay contoquadrinhos eroticos eu no quarto com meu irmaocontos bem eróticos boa foda falar babuzeirasmae rabuda fica de quatro pro fiho mais novoConto pai lambendo xoxotacontos eroticos peitinhos gostososContofamiliapornocontoseroticodas meninasConto erotico de brasileira e um africano Dragao ball z hentay quadrinhos gayconto meu avo me comer enquanto dormiabambam e pedrita sexodei minha buceta na praia da ferrugemfotos de sexo com jaquelineConto erotico mãe e filho enquanto a chuva caia..idosastesaoquadrinhos de maltratando e machuvando buceta